É mais importante dirigir longe ou direto no golfe?

  • Você sacrifica a distância acima da precisão ou vice-versa?
  • Ganhe uma vantagem sobre o campo, mantendo um pouco a distância enquanto bate nos fairways de forma consistente.
  • A idéia é que, mantendo a bola em jogo e na grama mais curta, você esteja em um lugar mais forte para controlar seus chutes.

Quando se trata de sair para o campo de golfe e jogar uma partida de golfe, muitas vezes é discutido entre os jogadores se é mais importante dirigir longe ou em linha reta no golfe. Muitas pessoas pensam sobre essa questão e existem diferentes abordagens para analisá-la. Normalmente, quando os jogadores jogam a bola para longe, eles podem perder algum controle da bola que, caso contrário, teriam ao acertar a bola a uma distância menor. No entanto, quando você dirige em linha reta, pode comprometer o poder desse tiro.

Então o que você faz? Você sacrifica a distância acima da precisão ou vice-versa? Neste post, exploraremos qual dos dois é mais importante quando se trata de jogar uma partida de golfe e qual é o mais provável de melhorar sua pontuação.

Um profissional pode balançar um motorista a mais de 120 mph, enquanto um jogador médio tem uma velocidade de swing de cerca de 90 mph.

Dirigindo a Bola Longe

Alguns dos melhores jogadores de golfe do mundo são alguns dos pilotos mais longos da bola. Por exemplo, aqui, você pode estar pensando em vencedores em série, como Rory McIlroy, Dustin Johnson & Phil Mickelson. Quando você compara suas médias de direção com qual é a distância média de condução, então é fácil ver que alguns dos maiores nomes estão lá nas tabelas de classificação para o número de jardas do tee.

Quando você é capaz de levar a bola mais longe do tee, é mais provável que você tenha uma segunda chance mais curta no campo. Isso oferece uma vantagem, pois há melhores chances de que você a) bata na bola mais do que a maioria dos outros jogadores eb) use um taco com mais loft, como um ferro 9 ou cunha, quando outros jogadores estiverem usando um 5 ou 6 ferro. Esses clubes lhe darão mais controle e permitirão que você arremesse o gramado mais perto do buraco, o que lhe dá uma chance melhor de marcar uma pontuação mais baixa.

No entanto, é importante lembrar que tudo está bem desde que você mantenha sua bola de golfe dentro dos limites.

Se você está tendo problemas para desviar a bola, precisa conhecer alguns fundamentos que afetam a distância. Por um lado, sua velocidade de giro pode não ser boa o suficiente, e a bola que você usa também desempenha um papel. Você deve observar que um profissional pode balançar um motorista a mais de 120 mph, enquanto um jogador de golfe médio tem uma velocidade de swing de cerca de 90 mph. Essa é uma diferença significativa entre jogar no PGA e com seus amigos.

Dirigindo a Bola Reta

É aqui que entra a bola em linha reta de forma consistente. Jogadores de golfe que dirigem a bola em linha reta, como Matt Kuchar e Jim Furyk foram capazes de construir carreiras muito competitivas em turnê. Eles ganham uma vantagem sobre o campo, mantendo um pouco a distância enquanto atingem fairways de forma consistente.

Alguns dos melhores jogadores de golfe do mundo são alguns dos pilotos mais longos da bola.

A idéia é que, mantendo a bola em jogo e na grama mais curta, você esteja em um lugar mais forte para controlar seus chutes. Ao fazer isso, você consegue acertar a bola nas áreas certas do campo e maximizar o seu potencial de chute sempre. Mas você pode perder uma pequena distância se fizer isso.

Há um fator comum entre bater a bola mais longe e acertá-la mais reta, e é tudo sobre o seu swing. Pode parecer difícil no começo, mas depois que você pega o jeito, realmente compensa.

Em suma

Para concluir este artigo, não há uma resposta específica para qual deles é melhor. Tudo depende de suas próprias forças específicas e do caminho que você deseja seguir. Por ser proficiente em qualquer uma dessas tacadas, você tem melhores chances de obter uma vantagem sobre sua competição em um torneio. Você pode optar por chutes de longe quando a situação exigir e chutes diretos quando precisar.

Nossa recomendação das duas opções acima, a tendência geral em turnê, implica que os rebatedores mais longos tenham melhor desempenho que os pilotos mais retos. No entanto, esse desempenho superior é visto principalmente em golfistas capazes de misturar distância e precisão!

[bsa_pro_ad_space id = 4]

Emily Browne

Sou Emily Browne, uma entusiasta de conteúdo da web. Trabalho como redator de conteúdo há três anos e gosto de contribuir regularmente com artigos sobre SEO. Além disso, interessado em trabalhar em diferentes nichos para explorar o conhecimento.

Deixe um comentário